Filho de um nobre mercador veneziano, Marco Polo nasceu por volta de 1258 e iniciou sua aventura em terras distantes ainda muito jovem. Quando Marco Polo nasceu, não conheceu o pai, que estava em viagem pelo Oriente; sua mãe morreu quando ele ainda era uma criança, foi criado por tios, que se esmeraram na sua educação.

Retrato de Marco Polo em mosaico

O encontro com o pai só se deu quando Marco Polo já estava com seus 17 ou 18 anos e foi nessa época que partiu rumo ao Oriente e Ásia, por mar e por terra, em expedição comandada por seu pai Niccolò e seu tio Matteo.

As tantas viagens de Marco Polo, entre 1271 a 1295

Marco Polo retornou à Venezia em 1298, com muitas riquezas e tesouros acumulados em suas viagens. Nessa época, ele comandou uma tropa em guerra contra Genova e acabou como prisioneiro.  Em cativeiro, ele ditou suas aventuras para um outro prisioneiro, Rustichello da Pisa. As suas crônicas e histórias chamavam a atenção pela riqueza de detalhes e intensidade das narrativas. O livro de Marco Polo, intitulado “Il Milione” traduz o fascínio dos exploradores com o desconhecido. Il Milione foi traduzido para o latim em 1315 e, em seguida, para diversas outras línguas. A primeira tradução para o português foi em 1508.

Páginas do livro “Il Milione”, sobre as viagens de Marco Polo

Marco Polo morreu riquíssimo em 1324, seus bens foram divididos em testamento e um dos seus pedidos foi o de ser sepultado na Chiesa di San Lorenzo; à propósito, guarde bem esse nome, pois a história dessa igreja merece ser contada em um post criado especialmente para ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu